Terremoto com epicentro no Afeganistão atinge o sul da Ásia

0

Um terremoto de 7,5 de magnitude com epicentro no norte do Afeganistão, nesta segunda-feira (26), foi sentido no Paquistão e em todo o norte da Índia. Os números de mortos ainda estão sendo calculados. Pelo menos 100 pessoas morreram no Afeganistão e no Paquistão, segundo a Reuters.

A agência France Presse afirma que 45 pessoas morreram e cerca de 100 ficaram feridas apenas no Paquistão. Oito moradores do distrito tribal de Bakhaur (perto da fronteira com o Afeganistão), oito na cidade de Mingora (vale do Swat) e uma residente de Peshawar estão entre as vítimas.

Os serviços de emergência paquistaneses anunciaram o balanço na cidade de Peshawar. “Muitos feridos estão chegando ao hospital e ainda há pessoas sob os escombros”, disse à AFP o doutor Muhammad Sadig, diretor da emergência do hospital local.

No Afeganistão, 12 meninas que morreram e 35 ficaram feridas em um tumulto ao tentarem escapar de uma escola na cidade afegã de Taloqan, no norte. Cinco pessoas também morreram na província oriental de Nangahar, segundo a Reuters.

O epicentro do tremor foi localizado perto de Jurm, na região de Hindu Kush, a 250 km de Cabul e a uma profundidade de 213,5 quilômetros. de acordo com o Serviço Geológico dos Estados Unidos(USGS). Inicialmente, a magnitude do tremor foi avaliada em 7,7 e revisada posteriormente pelo serviço.

O terremoto, que durou quase um minuto, sacudiu edifícios de Cabul, Nova Délhi e Islamabad e provocou pânico entre os moradores. A região é montanhosa e pouco habitada.

De acordo com os primeiros relatórios, o terremoto aconteceu às 13h30 (7h em Brasília).

Este terremoto foi o de maior intensidade no sul da Ásia, área de alta atividade sísmica, desde que um terremoto atingiu o Nepal em maio. O tremor de 7,8 pontos na escala Richter deixou cerca de nove mil mortos.

Você também pode gostar

Comentários

Carregando...