Brasil dá novo vexame, perde do Peru com gol de mão e é eliminado da Copa América

0

Em mais um vexame do futebol brasileiro e da seleção do técnico Dunga, o Brasil foi eliminado na primeira fase da Copa América Centenária, nos EUA, pela fraca seleção do Peru.Na noite deste domingo (12), o Brasil foi derrotado por 1 a 0, mesmo jogando com três selecionados muito fracos: Equador, Haiti e Peru.

Nem o gol irregular (feito com a mão) sofrido pode servir de desculpa. Ao Brasil bastava o empate para seguir adiante. Mas não conseguiu fazer um gol sequer contra uma equipe que não vencia a Seleção Brasileira em jogos oficiais há mais de 40 anos.

A Seleção Brasileira foi derrotada pelo Peru na noite deste domingo (12), por 1 a 0, no Estádio Foxborough, em Boston, Massachusetts, nos Estados Unidos, pela terceira rodada da Copa América Centenário. Com o resultado, o Brasil encerrou a sua participação na competição.

O JOGO

O Brasil começou o duelo dominando as ações ofensivas. Aos 11 minutos, Filipe Luís chegou bem ao ataque e arriscou o chute de longe. O goleiro Gallese caiu bem no canto direito, fez grande defesa e a bola saiu em escanteio.

Na cobrança, Renato Augusto pegou de primeira após desvio e mandou por cima do travessão. Quinze minutos depois, Elias fez boa jogada e encontrou Gabriel na área. O atacante dominou, girou para cima da marcação e bateu no cantinho, mas o arqueiro peruano salvou sua equipe novamente.

Aos 35, mais uma boa oportunidade da Seleção Brasileira. Willian recebeu de Filipe Luís na entrada da entrada e finalizou por cima da meta. Cinco minutos depois, Gabriel recebeu de Renato Augusto, controlou bem a bola e mandou uma bomba. Bem posicionado, o camisa 1 do Peru evitou que o placar fosse inaugurado novamente.

Na etapa final, após cinco finalizações para o Brasil e nenhuma para o Peru, o jogo voltou mais equilibrado. Aos três minutos, Alisson fez grande defesa em cobrança de falta de Cueva.

A resposta da Seleção Brasileira veio aos 17. Após cruzamento de Daniel Alves, Renato Augusto ajeitou para Coutinho e o meia bateu de canhota. A bola explodiu na defesa adversária.

Doze minutos mais tarde, Polo cruzou para a área e Ruidíaz escorou para o fundo da rede. O atacante tocou com o braço na bola, mas o árbitro validou o gol peruano.

Aos 39, Hulk partiu para cima da marcação e cruzou para Coutinho, mas o meia não alcançou. Oito minutos depois, Elias recebeu cruzamento da direita e desviou com a coxa, mas o goleiro Gallese fez a defesa.

FICHA TÉCNICA
BRASIL X PERU

Local: Gillette Stadium, Foxborough (EUA)
Data-Hora: 11/6/2016 – 21h30 (de Brasília)
Árbitro: Andrés Cunha (URU)
Auxiliares: Nicolás Tarán (URU) e Richard Trinidad (URU)

BRASIL: Alisson; Daniel Alves, Miranda, Gil e Filipe Luís; Lucas Lima, Elias, Renato Augusto, Philippe Coutinho, Willian; Gabriel (Hulk) – Técnico: Dunga.

PERU: Gallese; Revoredo, Ramos, Rodríguez e Trauco; Balbin (Tapia), Vilchez, Polo, Flores e Cueva; Guerrero -Técnico: Ricardo Gareca.

Portal Correio
Você também pode gostar
Comentários
Carregando...