Abravanel, Feliciano e a “santa ignorância”

  • [col]
    •  
    • Klebson de Oliveira
      graduando em ciências sociais e políticas da UFPB e colunista

Nós últimos dias algumas personalidades da mídia escorregaram em seus discursos, causando alvoroço nas redes sociais. Uma mistura de preconceito, racismo e ignorância do que diz respeito a realidade dos fatos.

Patrícia Abravanel, filha de Sílvio Santos, um dos maiores ícones da televisão brasileira, mordeu a língua mais uma vez e acabou demonstrando que sua prenoção não atinge apenas os homossexuais. Dias depois de dizer que não via normalidade em relações homoafetivas, a filha do Homem do Baú usou o misticismo para justificar as mazelas da África. Para ela, a mística da santimônia africana é responsável pelo atraso do continente. Em contrapartida, aponta os Estados Unidos da América como um país racional, modelo de sociedade que, apesar da religiosidade, entende o trabalho como meio edificador do indivíduo. Em miúdos, para Abravanel, os africanos são preguiçosos e os estadunidenses são dispostos. Racista, não?

A manifestação da apresentadora lembra o discurso do pastor Marco Feliciano, deputado federal famoso por declarações homofóbicas e desconexas da realidade. Num vídeo que pode facilmente ser visto no YouTube, Feliciano diz que o continente africano é amaldiçoado, logo merecedor das calamidades que sofre, como a AIDS e a fome.

Ambos condenam populações inteiras que guardam em si semelhanças e diferenças. Condenam a história e a cultura de um continente rico e que diz muito sobre nós, sobre nossa arte, nossa música, nossa dança.

Na rasteira de Patrícia e Feliciano, Ana Paula Valadão e, mais recentemente, o Padre Fábio de Melo não ficam para trás. A cantora gospel é famosa pelas suas posições conservadoras, muitas das quais colocam a mulher como um ser subalterno, passivo, coadjuvante das próprias escolhas. E antes de desistir das redes sociais, protagonizou sua “santa indignação” contra o que ela acreditou ser uma campanha pró “ideologia de gênero” da C&A. Virou piada e o bom senso agradece sua saída da internet.

Já o Padre Fábio, antes queridinho do Twitter, teve um vídeo antigo divulgado, onde dizia que a vítima era a culpada pelo estado de agressão que viesse a sofrer. Usou as palavras erradas para dizer que a mulher deve ter coragem e enfrentar o agressor e denunciar a violência. Errou, e de boas intenções o inferno está cheio.

O ponto em comum entre eles é a religiosidade. Não que ser religioso seja sinônimo de ser ignorante, mas não deixa de ser uma verdade em muitos casos. Basta observar os setores mais conservadores da sociedade, sempre dispostos a usar Deus e a moral cristã como pano de fundo para falas preconceituosas e distantes das novas realidades nas quais estamos inseridos. São nestes espaços que germina o ódio, base central das ações de fundamentalistas.

Tais episódios são ilustrações de como a ignorância pode ser maquiada pela posição política, social, econômica e religiosa de alguns. Elevados a formadores de opinião, expressam sem conhecimento de causa aquilo que lhes vêm a cabeça, despreocupados com o julgamento alheio, já que encontrarão entre seus defensores os adeptos do "É apenas uma opinião". Uma opinião intolerante, ofensiva, que reforça esteriótipos e posições que em casos extremos pode até matar.

Pessoas públicas devem por obrigação escolher um de dois caminhos possíveis: o silêncio total e absoluto sobre temas sensíveis à sociedade, ou a busca por convicções que escapem da superficialidade, já que a ignorância não merece vez e voz.

  • [message]
    • ##check## O conteúdo deste artigo é de responsabilidade do autor.

COMENTE ESTA MATÉRIA

 
PUBLICIDADE
Nome

Alexandre Henriques Brasil Cidades Ciência e Saúde Concursos Cultura Đestaque Economia Educação Empregos Entretenimento Eraldo Luis Especial Esporte Foto do Internauta Fotos Guarabira Internacional Klebson de Oliveira Levy Galdino Luiz Tananduba Martinho Alves Mensagens Natalinas Mensagens Natalinas (C) Mundo Paraíba Policial Política Pr. Antônio Júnior Receita do dia Tecnologia Νotícias Οpinião Ρrincipal τop
false
ltr
item
CartaPB - Informação Indispensável: Abravanel, Feliciano e a “santa ignorância”
Abravanel, Feliciano e a “santa ignorância”
https://3.bp.blogspot.com/-UjwkWydT5iU/V0eFIAntuwI/AAAAAAAAGO4/oV5eDSIaRpM5ongZiqcJLCiGwAz9JqqxgCLcB/s200/Klebson%2Bde%2BOliveira.jpg
https://3.bp.blogspot.com/-UjwkWydT5iU/V0eFIAntuwI/AAAAAAAAGO4/oV5eDSIaRpM5ongZiqcJLCiGwAz9JqqxgCLcB/s72-c/Klebson%2Bde%2BOliveira.jpg
CartaPB - Informação Indispensável
http://www.cartapb.com/2016/07/abravanel-feliciano-e-santa-ignorancia.html
http://www.cartapb.com/
http://www.cartapb.com/
http://www.cartapb.com/2016/07/abravanel-feliciano-e-santa-ignorancia.html
true
7985130296924381775
UTF-8
Não há postagens VER TUDO Leia mais Responder Cancelar resposta Apagar Por Home CONTINUE LENDO POSTAGENS Ver tudo RECOMENDADO PARA VOCÊ; CATEGORIAS ARQUIVO SEARCH TODAS AS POSTAGENS Sua busca não encontrou resultados Back Home Domingo Segunda-feira Terça-feira Quarta-feira Quinta-feira Sexta-feira Sábado Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro Jan Fev Mar Abr Maio Jun Jul Ago Set Out Nov Dez Agora 1 minuto atrás $$1$$ minutes ago 1 hora atrás $$1$$ horas atrás Ontem $$1$$ dias atrás $$1$$ semanas atrás mais de 5 semanas atrás Seguidores Seguir CONTEÚDO BLOQUEADO Por favor compartilhe para desbloquear Copiar todo código Selecionar todo código Todos conteúdo foi copiado para sua Área de transferência Você não pode copiar o código / texto, por favor pressione [CRTL]+[C] (ou CMD+C no Mac) para copiar