Apresentadores do Correio Debate detonam o PMDB: “Partido sem vergonha”

Os comentários foram feitos durante o programa Correio Debate, da 98 FM.

0

O anúncio do nome do senador José Maranhão como opção para a candidatura própria do PMDB na disputa pelo Governo da Paraíba em 2018 rendeu comentários ácidos durante o programa Correio Debate, da 98 FM, transmitido para todo o Estado pela Rede Correio Sat.

A executiva estadual deliberou por lançar o ex-governador como postulante durante uma reunião na sede do partido nesta segunda-feira, 27. No estúdio da 98, depois da narrativa feita pelo repórter Henrique Lima, o apresentador Fabiano Gomes perguntou se, enquanto o pleito não chegasse, o PMDB ficaria “comendo dos dois lados”.

A jornalista Adriana Bezerra completou, detonando o comportamento da sigla: “Oh, partido sem vergonha, fisiologista do sangue e medula óssea. O PMDB deveria ter vergonha de vender de público um discurso desse, achando que vai continuar dos dois lados enquanto der”.

Pouco tempo depois, foi a vez de Fabiano Gomes completar a acidez na avaliação da postura do PMDB, depois de ter ouvido dos colegas que cada filiado poderá tomar o rumo que quiser no pleito estadual, no que chamaram de “libera geral”.

“Pode ser com Tomé ou com Bebé. Isso mostra a putaria que é o PMDB”, disse Gomes.

ParlamentoPB

Você também pode gostar
Comentários
Carregando...