Policiais do 4º BPM realizam prisões nas cidades de Duas Estradas, Caiçara e Cuitegi

Dois homens e uma mulher foram presos acusados de embriaguez, desordem e violação de domicílio.

0

Dois homens e uma mulher foram presos por policiais do 4º Batalhão de Polícia Militar (BPM) durante a noite de sábado (10) e madrugada deste domingo (11), nas cidades de Duas Estradas, Caiçara e Araçagi, no Agreste paraibano. Dois deles são acusados de embriaguez e desordem e o terceiro, por violação de domicílio e danos ao patrimônio privado.

A primeira prisão por embriaguez e desordem aconteceu no centro da cidade de Duas Estradas, por volta das 21h do sábado, quando a polícia realizava patrulhamento nas imediações do Forró do Parque e foi informada de que havia três homens querendo criar confusão com outras pessoas no local da festa.

A guarnição foi até o local e constatou que um homem se encontrava bastante alterado e, ao visualizar os militares, partiu para cima de um deles querendo agredi-lo com socos e pontapés. Os policiais utilizaram o emprego da força necessária e conseguiram conter o acusado, que foi conduzido à delegacia, onde foi lavrado um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO).

No início da madrugada deste domingo, no conjunto Antônio Mariz, em Caiçara, uma mulher foi presa porque estaria embriagada e armada com uma faca, ameaçando outras pessoas. Uma guarnição da polícia que fazia rondas pela cidade, foi até o local e localizou a acusada, que estava armada com uma faca. Ela também foi conduzida à delegacia.

Por volta das 3h30 também do domingo, no centro de Cuitegi, a vítima informou aos policiais que tinha se ausentado da sua residência e, ao retornar, flagrou o seu vizinho no interior da mesma. Ele não soube informar o que estaria fazendo no local e houve uma discussão entre os dois, que resultou no acusado quebrando um vidro da janela da residência com um pedaço de madeira.

O acusado foi preso pela guarnição comandada pelo soldado Costa, que o conduziu, juntamente com o proprietário da residência, para a Delegacia de Polícia Civil.