Pai confessa estupro da própria filha de dez anos em Araruna

Homem foi preso horas depois de ser denunciado pela madrinha da vítima.

0

Um homem de 32 anos confessou que estuprava a filha de 10 anos em Araruna, no Agreste paraibano. Ele foi preso nesse domingo (6), horas depois de ser denunciado pela madrinha da menina sob suspeita de praticar atos sexuais com a própria filha.

Em depoimento, o homem informou que em algumas ocasiões chegou a dopar a menina para cometer os abusos. Como os dois moravam sozinhos, ele trancava as portas de casa para que ninguém chegasse de surpresa e flagrasse o crime.

O homem revelou que praticava sexo anal e oral com a filha. Os exames feitos pela criança na unidade de pronto atendimento em Araruna confirmaram a versão do homem, uma vez que apontaram que a vagina da menina estava intacta.

De acordo com a Polícia Militar, o crime foi descoberto após a menina contar os episódios de abuso à madrinha. A mulher, que já estava desconfiando do comportamento da afilhada, resolveu prestar queixa na delegacia.

Após ser ouvido pelo delegado, o pai da criança foi autuado pelo crime de estupro de vulnerável e, se condenado, pode pegar uma pena de até 15 anos de prisão.

Você também pode gostar
Comentários
Carregando...